Iot Tecnologia

Tipos de PABX: analógico, digital e IP

Escrito por Alfatel

Todo gestor sabe que a comunicação é um fator fundamental para a realização das atividades cotidianas de uma empresa. Falhas nesse setor podem prejudicar o desempenho da organização e, até mesmo, gerar resultados ruins. Nesse contexto, a implantação do PABX organiza, agiliza e melhora a comunicação com parceiros e colaboradores. Mas há tipos de PABX específicos dependendo da necessidade da empresa.

A central telefônica PABX, de modo geral, conecta-se a uma operadora de telefonia em linha direta, como um telefone residencial comum. A diferença é que o PABX permite também a conexão com linhas internas — os ramais — o que garante eficiência à comunicação.

Além disso, com o PABX, a empresa não precisa ter diferentes linhas para fazer atendimentos simultâneos. Mas há algumas maneiras de se conseguir isso, cada uma com suas características específicas.

Ficou interessado? Quer melhorar a comunicação na sua empresa? Então, siga a leitura do post e descubra qual o tipo de PABX ideal para o seu caso. Vamos lá?

PABX analógico

O PABX analógico — o tipo mais antigo de central — recebe linhas convencionais por meio de operadoras de telefonia fixa. Apesar de contar com um sistema bastante complexo, seus ramais não dispõem de recursos avançados e, por isso mesmo, sua utilização é bem básica.

Apesar disso, é o mais comercializado, principalmente por empresas que não necessitam de muitas funcionalidades. Além do mais, exige manutenções preventivas e suporte técnico especializado.

Entre as funções do PABX analógico, estão:

  • controle das chamadas internas e externas;
  • chamadas em espera;
  • identificador de chamadas;
  • reuniões feitas pelo telefone;
  • permissões de chamada diferentes para cada ramal;
  • bloqueio de chamadas a cobrar.

PABX digital

Com recursos mais modernos — como a possibilidade de se aumentar o volume do áudio — , o PABX digital elimina ruídos e melhora a qualidade das ligações. 

Porém, esse sistema se adapta melhor a linhas digitais oferecidas por poucas operadoras (apenas as maiores). Assim como o PABX analógico, necessita de mão de obra especializada.

Além de apresentar as mesmas funções do analógico, ele também permite:

  • discagem direta para ramal (DDR);
  • entroncamento digital (E1) e conexão a linhas fixas.

PABX IP

Esse é o tipo de PABX — também conhecido como virtual — que apresenta um grande número de recursos disponíveis, como o gravador.

Ele funciona como um provedor, ou seja, sua rede é unificada em uma única interface. Isso faz com que sua instalação e seu uso sejam mais rápidos e simples.

Os ramais utilizados são virtuais, o que permite, até mesmo, ligações gratuitas entre escritórios cujas filiais tenham sistemas conectados. Mas o PABX IP funciona apenas com linhas de operadora VOIP.

Entre as funcionalidades do PABX IP, estão:

  • possibilidade de customização, ou seja, a estrutura se molda de acordo com a necessidade da empresa;
  • capacidade ilimitada de ramais;
  • facilidade na configuração do sistema;
  • possibilidade de interligação com computadores e com outros PABX.

Enfim, existem diferentes tipos de PABX, cada um com suas características. Mas, em comum, eles organizam e melhoram a comunicação da empresa.

Agora que você já conhece cada um deles, fica mais fácil saber qual se adapta melhor às suas necessidades. Quer saber mais sobre o assunto? Então, fale agora mesmo com um de nossos atendentes.

Sobre o autor

Alfatel

Deixar comentário.

Share This